Formatação e Manualização

Formatar uma franquia consiste em pegar uma empresa que tem um negócio vencedor e fazer a sua estruturação para a expansão através do franchising, que é uma poderosa técnica de crescimento e desenvolvimento de negócios em rede.

O Brasil está entre os países em que franchising mais encontrou espaço para crescer.
A formatação da franquia engloba os trabalhos de definição de todas as regras que regerão o relacionamento entre Franqueador x Franqueado, bem como sistematiza todos os processos e conhecimentos da unidade original visando sua replicabilidade para as unidades franqueadas.
Formatar processos é o melhor caminho para o crescimento, pois permite operar com segurança e qualidade. Trata-se de um encadenamento de ações com potencial de dar às empresas um padrão de excelência sem burocratizá-las.


Segue abaixo etapas para a Formatação da Franquia:

    • Etapa 1 (Análise de Franqueabilidade):
      Analisar o modelo de negócio em operação, definir o modelo de franquia que será adotado e avaliar a viabilidade financeira.
    • Etapa 2 (Documentação Jurídica):
      Elaborar a Circular de Oferta da Franquia e Contrato de Franquia nas determinações da Lei 8.955/94. Orientação na proteção e registro da marca.
    • Etapa 3 (Padronização da Franquia):
      Análise e desenvolvimento do sistema de gestão da franquia, assegurando aos produtos e serviços o mesmo padrão de qualidade para todas as futuras unidades franqueadas. Elaboração dos Manuais do Franqueado e da Franqueadora.
    • Etapa 4 (Implantação):
      Treinar a Franqueadora e equipe na expansão e suporte à rede.